11 passos para um ano novo melhor

Siga nossas redes sociais

Quando um ano começa, com ele chega uma energia de renovação, esperança de uma vida e ano novo melhor. Devemos aproveitar essa predisposição a construir um futuro mais feliz para realizar mudanças significativas e duradouras. Mas como fazer isso?  Tenho algumas dicas para você!

ano-novo

Passo 1: Se for esperar por algo, espere pelo melhor

Comece a enxergar a vida com otimismo. A esperança de um ano novo melhor é o que fará diferença agora!

Ao invés de ter uma expectativa negativa e pessimista sobre as situações que se colocam em sua vida procure pensar nos resultados positivos que elas poderão trazer à sua vida. Ao criar uma “bolha” de positividade, você terá mais força para enfrentar os desafios e atrairá soluções satisfatórias para seus problemas.

Para ajudar, pense na situação que está vivendo e escreva qual seria o melhor resultado que poderia ter. Mantenha o foco nele!

Passo 2: Agradeça desde sempre

A gratidão é um sentimento transformador, capaz de curar as mais profundas feridas da alma.

Seja grato até pelo que ainda não tem, mas gostaria de ter.  Seja grato antecipadamente, pois isso atrairá a energia, para te ajudar a alcançar o que almeja.

Faça um exercício de visualização:

  1. Sente-se confortavelmente num local tranquilo, onde não será interrompido;
  2. Feche os olhos e mentalize aquilo que deseja;
  3. Sinta-se como se tivesse alcançado seu objetivo;
  4. Observe como se sente, o que acontece, quais são as reações ao seu redor, como as pessoas envolvidas estão agindo e qual o impacto que sua realização está causando em sua vida;
  5. Permita-se sentir e aproveitar essa ‘viagem’ dê asas à sua imaginação;
  6. Agradeça, agradeça e agradeça.

Pratique este exercício como forma de atrair o que deseja e não deixe de agir para realizar seus objetivos.

A gratidão traz inúmeros benefícios físicos e emocionais, além de ajudar a amenizar as situações mais difíceis da vida, provoca um sentimento de satisfação pelo que tem e diminui frustração pelo que não possui.

Passo 3: Aceite suas emoções e as deixe ir

É muito importante viver emoções boas e ruins, isso tudo faz parte da sua evolução pessoal ou profissional. Porém, se acorrentar a sentimentos e ficar preso neles, pode ser extremamente prejudicial.

Cada emoção tem sua função e devemos aceitar, perceber e principalmente deixar partir. Nos prender à emoções e sentimentos, principalmente quando negativos, causa patologias como depressão, estresse crônico e até câncer.

Canalize suas emoções, não fique dependente delas, não as utilize como boia, aprenda a nadar!

Passo 4: Tire um tempo para você

Todos precisamos de um tempo. A melhor coisa é gostar da nossa própria companhia, descubra como isso pode ser maravilhoso.

Tire um tempo para cuidar de você, curtir a sua presença, viver!

Do que gosta? Fazer uma caminhada num parque? Meditar? Ir ao salão de beleza? Seja o que for, se ame e se trate bem!

Dê a você o valor que merece!

Seguir este passo trará maravilhas para sua vida, pois aumentará sua autoconfiança, autoestima e principalmente autoconhecimento para enfrentar os desafios que esse ano novo trará para você.

Passo 5: Aprenda a dizer não

Provavelmente já deve ter ouvido falar que às vezes dizer sim para alguém, pode significar dizer não para você. Isso é a mais pura verdade.

Diga NÃO! Claro, tenha critério, também não precisa sair falando não para tudo. Avalie da seguinte forma: isso fará mal ou será muito sacrificante e prejudicial para você, alguém ou carreira? Então é não! Caso contrário diga sim com o coração aberto.

Muitas vezes o não falado, nem doerá tanto em quem recebe. Você vai ver!

Passo 6: Aprenda a pedir ajuda

Muitas vezes achamos ser autossuficientes para resolver seja o que for ou simplesmente temos medo, vergonha de pedir ajuda. Não exite!

Se algo for muito complexo pessoal ou profissionalmente, busque quem pode ajudá-lo! Reconheça que assim você poderá ter resultados muito melhores.

Passo 7: Levante a cabeça!

Levante a cabeça e olhe para cima sempre que estiver sofrendo por algo.

Você já ouviu falar que a primeira coisa que os Centros de Valorização à Vida (CVV) fazem ao conversar com alguém deprimido, é pedir que ele olhe para cima?

A Programação Neurolinguística (PNL) diz que é impossível sofrer olhando para o alto, tanto que muitas vezes, quando desejamos conter as lágrimas, movemos os olhos para cima. Então fica a dica!

Passo 8: Cultive a paz

Não seja aquela pessoa que coloca “lenha na fogueira”. Onde quer que esteja carregue com você a paz. Não se deixe contaminar pelos impropérios da vida.

A cada situação pense em como você poderá interferir positivamente. Alimente o amor, a compreensão e compaixão.

Lembre-se de ter empatia, ou seja, coloque-se no lugar do outro e tente entender os motivos que o fizeram chegar até o cenário que se apresenta.

Passo 9: Deixe o egocentrismo de lado

Que você deve ter uma alta autoestima e se amar é verdade. Porém, existe uma grande diferença entre autoestima e egocentrismo.

O egocêntrico tende a acreditar que tudo está voltado para si, acaba se tornando indiferente ao outro e aos seus problemas, não seja essa pessoa.

Esteja aberto a ser solidário com o outro e ajudar quando puder.

Passo 10: Entenda a frustração como uma benção

Muitas vezes aquilo nos parece terrível, é uma benção disfarçada.

Imagine que o seu celular não desperta e você se levanta atrasado, faz sua rotina matinal correndo e quando chega no ponto de ônibus, percebe que ele acabou de passar. Minutos depois vê um noticiário comentando um assalto no ônibus que pegaria. Toda essa frustração foi ou não, uma benção disfarçada?

Pense nisso. Quando algo não acontece da forma que imagina é porque certamente, acontecerá outra coisa maior e mais maravilhosa.

Passo 11: Saiba que o ano novo não muda ninguém

O ano de 2017 é apenas um número para contabilizar a data em que vivemos, nada mais. Quem tem o poder de transformar sua vida é você!

E como fazer isso? Vigilância é a resposta.

Observe como você se comporta diante os desafios, o que pensa e faz quando não está sendo observado.

Faça uma lista daquilo que não gostou de descobrir e faça um plano de ação para mudar. Comece passo a passo e no fim das contas, a mudança será enorme!

Gostou desses 10 passos? Conte com qual se identificou mais nos comentários!

Acha que esse artigo pode ser útil para alguém? Então compartilhe em suas rede sociais! Até a próxima!

Siga nossas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Gostou do Blog? Compartilhe :)

mautic is open source marketing automation
Pular para a barra de ferramentas